11 2155-9358
Logo Pensi
Institucional Blog Pesquisas CEP FJLES Cursos
Data inicial
Estágio Hospitais Boletins Releases Parcerias
Ícone Data Final
Busca rápida
Busca avançada
Institucional Voluntariado Parcerias Releases Boletins
Data inicial
Núcleos Cursos Estágios Hospitais Blog
Ícone Data final
Busca rápida
Busca avançada

Mais Lidos

A remoção das adenoides

Muitos pais ainda se sentem inseguros se devem ou não autorizar a realização desse procedimento cirúrgico

pai e filho - cuidados

Tomar decisões sobre a saúde do seu filho pode ser difícil. Esse assunto é particularmente verdadeiro com relação aos procedimentos cirúrgicos, não importa quão seguro ou de rotina eles possam ser. A remoção da adenoide é um exemplo frequente em que o médico faz uma recomendação e os pais tomam a decisão final. Para ajudá-los é importante que haja informação sobre o que são elas, o que acontece durante a remoção e quais os benefícios para a criança.

(mais…)

Instituto Pensi
O Instituto Pensi é o braço de ensino, pesquisa e projetos sociais da Fundação José Luiz Egydio Setúbal enquanto o Hospital Infantil Sabará é seu braço de assistência médica.

Outubro: mês da Odontologia e de seus heróis

Vamos relembrar daqueles que mudaram o universo odontológico ao longo dos anos

mês da odontologia

“A odontologia é uma profissão singular, exige dos que a ela se dedicam o senso estético de um artista, a destreza manual de um cirurgião, os conhecimentos científicos de um médico e a paciência de um monge”.

(Dr. Mario Chaves –1953, Faculdade Nacional de Odontologia)

(mais…)

Instituto Pensi
O Instituto Pensi é o braço de ensino, pesquisa e projetos sociais da Fundação José Luiz Egydio Setúbal enquanto o Hospital Infantil Sabará é seu braço de assistência médica.

Crânio infantil: quando se preocupar?

Saiba por que as alterações cranianas ocorrem e como diagnosticá-las

Provavelmente quase todo pediatra que acompanha o desenvolvimento infantil já ouviu que a criança tem a cabeça achatada, porque o obstetra usou fórceps (instrumento que puxa o bebê) ou não tirou o pequeno de forma adequada ou certa. Tudo isso pode ocorrer, mas é mais uma lenda do que uma realidade.

(mais…)

Instituto Pensi
O Instituto Pensi é o braço de ensino, pesquisa e projetos sociais da Fundação José Luiz Egydio Setúbal enquanto o Hospital Infantil Sabará é seu braço de assistência médica.

Cardiopatia congênita

Cardiopatia Congênita

A incidência das cardiopatias congênitas é de 8 a 10 por 1000 nascidos vivos, portanto apesar de rara têm muitas crianças que têm este tipo de problema. Dados do Ministério da Saúde (Sistema de Informação sobre Nascidos Vivos de 2000 a 2006) mostram uma natalidade de 3 milhões de nascidos vivos por ano no Brasil. Portanto, levando em conta a incidência prevista, cerca de 24 mil crianças com cardiopatias congênitas nascem por ano.

(mais…)

Instituto Pensi
O Instituto Pensi é o braço de ensino, pesquisa e projetos sociais da Fundação José Luiz Egydio Setúbal enquanto o Hospital Infantil Sabará é seu braço de assistência médica.

Pergunte ao pediatra: gânglios desenvolvidos

Saiba o e o que fazer se os gânglios de seu filho aumentarem e forem infectados

Pergunta

Meu filho teve um gânglio aumentado por quase dois meses debaixo do seu queixo. Isso é normal?

(mais…)

Instituto Pensi
O Instituto Pensi é o braço de ensino, pesquisa e projetos sociais da Fundação José Luiz Egydio Setúbal enquanto o Hospital Infantil Sabará é seu braço de assistência médica.

Meninos e Meninas: “Todo mundo pode ser o que quiser, né?”

Num dos momentos de parque na escola, um menino de 4 anos, vestido com a fantasia de Branca de Neve se aproxima e me pergunta “Todo mundo pode ser o que quiser, né? Mas não é que quem inventou essas fantasias e roupas de super-heróis pensou que era para um menino?”. Sem que ao menos eu tivesse tempo para verbalizar minha resposta ele sai correndo e volta à brincadeira. Ele voltou para o mundo do faz-de-conta e eu fiquei com a sua reflexão.

(mais…)

Bruna Mutarelli
Bruna Mutarelli é formada em Pedagogia pela Universidade de São Paulo e mestre em Educação pela Universidade do Porto. Em agosto de 2015 abriu junto com uma colega o Ubá, um lugar que desenvolve tempo e espaço para as crianças ampliarem a capacidade de compreender a si mesmas e aos outros por meio de brincadeiras e investigações que surgem nos encontros.

O Ballet Infantil: Quando começar?

Ballet Infantil

O Ballet é o sonho de praticamente toda menina. Quem já não sonhou em rodopiar em cima das sapatilhas, vestir aquelas roupas maravilhosas e sonhar, sentindo-se uma princesa? Sim, esses são os sonhos que passam de geração em geração. No entanto, o ballet precisa ser praticado seguindo orientações de professores especializados e em locais apropriados. Mas, e quando começar? Qual a melhor idade? Quando minha filha vai dançar na ponta? Quais os benefícios do ballet? Dúvidas como essas são frequentes e constantes.

O ballet clássico consiste em unir a técnica, a música e a atuação nos movimentos. São habilidades que as crianças vão adquirindo pouco a pouco por meio de exercícios e posturas. Exige disciplina, boa postura e ritmo.

Benefícios do Ballet

O ballet infantil traz muitos benefícios às crianças. Traz leveza, graciosidade, disciplina e dedicação. Os exercícios desenvolvidos em aula trabalham a coordenação motora e a consciência corporal. Ao entrar em contato com a arte, música clássica, histórias e figurinos, a criança passa a trabalhar sua imaginação e a criatividade, principalmente as relacionadas com os contos de fadas.  Os exercícios com música desenvolvem também a musicalidade que será essencial na vida de uma bailarina. Além disso, trabalha a flexibilidade e a força muscular.

O estudo sério do ballet só poderá ser iniciado a partir dos sete anos, sendo a idade ideal nove anos. Antes disso é recomendado apenas as aulas de baby class ou iniciação musical. O objetivo dessas aulas é apresentar o ballet às crianças, introduzindo-as ao ritmo utilizando para isso músicas infantis, danças de roda e palmas. É também a fase para se trabalhar a coordenação motora global. O ballet acadêmico, nessa fase, é contraindicado em todos os sentidos (físico e mental). A partir dos sete anos a criança já começa a tornar-se apta à participar das aulas de ballet propriamente dita. É aqui que começam a surgir as técnicas e o refinamento das habilidades motoras básicas adquiridas nas aulas de baby class.

O ballet e as sapatilhas de ponta

E quando começar a dançar na ponta? Como saber que uma bailarina está pronta para usar sapatilhas de ponta? Dançar na ponta é um objetivo muito importante na vida de uma bailarina clássica. Requer uma tremenda força das pernas e nos pés. Existem cinco dicas para se iniciar na ponta:

  1. Idade da bailarina: Alguns especialistas dizem que a ponta só poderá ser introduzida após os nove anos de idade, no entanto, o crescimento e fortalecimento dos pés acontecem quando a criança se encontra entre 11 e 12 anos. Tudo depende da maturidade da bailarina.
  2. Tempo de formação: não se pode começar uma carreira no ballet já nas sapatilhas de pontas. Antes, deve-se atingir a forma, força e alinhamento necessário para fazer uma transição bem sucedida, com a meta de evitar lesões.
  3. Aulas na Ponta: com o objetivo de manter a técnica e flexibilidade para dançar na ponta, faz-se necessário aulas no mínimo três vezes por semana, aumentando cerca de meia hora para o trabalho específico de ponta.
  4. Preparação física para dançar na ponta: Toda bailarina deve ser avaliada por um professor competente para verificar se está pronta para atender as exigências do trabalho nas pontas: posicionamento correto do corpo, alinhamento, força, equilíbrio e domínio das técnicas básicas do ballet.
  5. Maturidade emocional para dançar na ponta: como o trabalho nas pontas é muito duro, a criança deve estar preparada para ter bolhas, responsabilidade para manter as sapatilhas (visto que são mais complicadas), dedicação às aulas e responsabilidade.

Mas o mais importante de se lembrar é que a força de vontade da bailarina e o esforço feito é que permitirá com que esta esteja segura na hora de calçar as sapatilhas, sejam elas de ponta ou não, subir no palco e dançar levemente!

maria helena

Instituto Pensi
O Instituto Pensi é o braço de ensino, pesquisa e projetos sociais da Fundação José Luiz Egydio Setúbal enquanto o Hospital Infantil Sabará é seu braço de assistência médica.

Batimentos cardíacos: como saber se estão normais?

Muitos pais reclamam que o coração de seus filhos bate muito rápido ou não tem um ritmo certo

Estas são duas observações muito ouvidas nos consultórios pediátricos, então vamos falar da frequência e do ritmo cardíaco, que como tudo que se refere ao coração, preocupa muito as pessoas.

(mais…)

Instituto Pensi
O Instituto Pensi é o braço de ensino, pesquisa e projetos sociais da Fundação José Luiz Egydio Setúbal enquanto o Hospital Infantil Sabará é seu braço de assistência médica.

Cólicas do bebê: saiba causas e como evitá-las

Elas não duram mais do que poucos meses, mas são verdadeiros pesadelos para pais e filhos. Cerca de 75% dos recém-nascidos sofrem com as mal-afamadas cólicas recorrentes. Se o bebê mostra sinais de irritabilidade acompanhados de choro, caretas, contorções e flexões das perninhas, certamente está sentindo esse desconforto abdominal. (mais…)

Instituto Pensi
O Instituto Pensi é o braço de ensino, pesquisa e projetos sociais da Fundação José Luiz Egydio Setúbal enquanto o Hospital Infantil Sabará é seu braço de assistência médica.

Comitê de Ética em Pesquisa

Saiba mais sobre a nova conquista do Hospital Infantil Sabará

Crianças - Comitê de Ética em Pesquisa

Em agosto de 2012, o Comitê de Ética em Pesquisa (CEP) da Fundação Hospital Infantil Sabará foi aprovado pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa, colegiado do Conselho Nacional de Saúde, órgão do Ministério da Saúde.

Isso significa que, a partir de agora, o nosso CEP poderá avaliar protocolos de pesquisa encaminhados por pesquisadores do hospital e também por profissionais de outras instituições que não possuam CEP próprio. Constituímos o Comitê de Ética em Pesquisa tendo em vista a melhor abordagem dos aspectos que permeiam as pesquisas em crianças e adolescentes, por este ser o segmento de atuação da Fundação Hospital Infantil Sabará.

Você sabe o que é necessário para que uma pesquisa em seres humanos seja aprovada?

(mais…)

Instituto Pensi
O Instituto Pensi é o braço de ensino, pesquisa e projetos sociais da Fundação José Luiz Egydio Setúbal enquanto o Hospital Infantil Sabará é seu braço de assistência médica.