PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Confiança entre pais e filhos
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Confiança entre pais e filhos

Confiança entre pais e filhos

14/10/2011
  1075   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Desde cedo, a confiança é a base para que você estabeleça laços firmes com seu pequeno. Comece falando coisas  que ele certamente nunca esquecerá.

Eu tenho a nítida lembrança, já como adulta, do meu pai me falando que eu fui uma filha adolescente “fácil”, ou seja, daquele tipo que não preocupa muitos os pais. Aliás, interessante notar que meu pai e minha mãe têm pouquíssimos cabelos brancos, mas, deixa pra lá, esse post não é papo para cabeleireiro! Ele justificou o fato de eu ter sido essa adolescente fácil, pois sempre contei tudo para eles, desde o que acontecia nas baladas, até os problemas, dificuldades, quem eram os namorados, enfim, tudo o que pode acontecer durante a adolescência.

 

Legal, não é? Acho que o meu perfil é esse mesmo, de contar e compartilhar, mas, sem nem saber, acabei estabelecendo um canal de confiança bastante importante com os meus pais. Lógico, que isso não depende apenas do perfil da adolescente, mas também do dos pais, afinal para a gente contar e compartilhar as coisas, o canal do outro lado tem que ser bem bacana, atento, interessado, receptivo, compreensivo e de confiança.

Não, os meus pais nunca foram os meus melhores amigos e não acho que deveriam ter sido. Sim, eles já me deram broncas e acho que deveria ter sido exatamente como foi.

O que eu estou dizendo é que deve haver uma forma de que a comunicação aberta se estabeleça entre pais e filhos e isso aconteceu de forma natural para mim, como já expliquei. Mas, mais importante do que a comunicação, é que ela permeie a confiança e a verdade sempre, sempre e sempre! Claro que a gente deve ter segredos que não compartilharemos com os pais, isso faz parte, mas acredito com todas as minhas forças que comunicação gera confiança e isso é extremamente tranqüilizador e saudável para todos os envolvidos, especialmente quando falamos de uma família.

O meu pai era tão tranqüilo e confiante nas filhas que estava criando (tenho uma irmã 2 anos mais nova do que eu) que costumava dizer: “se vocês forem chegar depois das 5 da manhã, pelo menos tragam o pão fresquinho!”. E o cara dormia! Até de roncar enquanto as filhas estavam na balada. Daí, certa hora, a gente chegava, o cachorro latia e pronto! Ele podia dormir mais profundamente e roncar ainda mais alto.

E é engraçado e interessante como repetimos as coisas que vivemos com os nossos pais. Desde sempre e até de maneira inconsciente, procuro estabelecer esse tipo de comunicação baseada na verdade e na confiança com os meus filhos. Lógico que eles ainda são pequenos e as verdades e confianças que estabelecemos com crianças são diferentes, mas já existem e é assim que plantamos sementinhas diariamente.

Essa semana colhi frutos. Duas vezes. Dois dias seguidos. A minha filha Manuela, com 4 anos, quis me contar alguns acontecimentos da escola, me pediu segredo e armou todo um esquema para a conversa. Não importa o assunto, independente da idade dela, é claro que vai parecer infantil, mas era um certo segredo, uma certa dificuldade que ela quis dividir comigo. Pediu segredo e perguntou se não ia levar bronca, tadinha!

É claro que não, nem motivo tinha! Eu realmente achei uma graça e morri de orgulho e de admiração pela minha filha, por perceber que, apesar da pouca idade, já temos esse canal de comunicação e de confiança bem estabelecido e fortalecido.

Fiquei feliz da vida!!

 

 

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

mensagem enviada

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade