PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Logística materna
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Logística materna

Logística materna

26/09/2014
  339   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

brincando

****compartilho com vocês um texto já meio antigo, mas que sempre releio pelas milhões de experiências que vivemos e revivemos, todos os dias…rebolando o ano inteiro.

 

E então que Isaac começa hoje mais um ano letivo.

Lá se foi meu menininho, todo orgulhoso, amanhecer no Jardim 1.

Logo, começo eu, a pensar em todas as novidades que esse ano trará.

Primeiro que filhote está mais moleque, evoluiu e muito nas lutinhas e cambalhotas durante as férias. Tenho até que registrar aqui que Isaac evoluiu também no quesito mordidas, tapas e pontapés.

(logo, já imagino o que me aguarda nas reuniões e rodinhas de mães na hora da saída)

 

Mas fora o comportamento, temos ai sala nova, professora nova, possíveis novos colegas. Tudo o que o volta às aulas proporciona.

Temos também o novo aprendizado, o início da alfabetização, os novos traçados, as novas dúvidas e a nova infinidade de perguntas.

 

O ano também reserva novidades para esta mãe aqui.

Acontece que, relacionado a escola, Isaac não vai ter mais aqueles dois dias integrais.

Chorou um ano inteiro dizendo que não gostava. Sofreu. Sofri. Sofremos.

Decidimos então que pra escola mesmo ele só vai de manhã.

A tarde a Deus pertence?

Necas.

Pertence a ele. Ao Isaac.

 

Ficamos assim então.

Os dias são divididos entre natação, psicóloga e inglês.

Acho que é atividade pacas?

Acho sim. Mas pior seria se ele ficasse só em casa ou só me acompanhando aos afazeres domésticos ou repetindo programinhas básicos aqui da city a semana toda.

 

E eu me vejo agora com a função mãetorista mais do que intensa.

E não é só isso. Isaac tem só 4 anos. Em todas as suas atividades eu sento e espero.

Leio. Converso. Observo. Releio.

Aprendo mais sobre paciência e sobre mim.

 

Por enquanto Isaac tem adorado a natação.

São duas horas por semana, ou seja, dois dias de aula.

Ele também está louco para voltar ao inglês.

Somamos ai mais duas horas por semana, dois dias de aula.

E a Querida Psicóloga, mais dois dias na semana.

 

Rebolei e Remexi a agenda. Organizei horários e hábitos.

Noves fora, ainda temos um dia livre na semana. Pra ficar sentado no sofá, no meio dos brinquedos ou fazer qualquer coisa que der vontade.

Ufa.

E falo de dia livre porque os horários dessas atividades acabam pegando o meio da tarde. Aí já viu, some uma atividade nova a rotina já cheia de horários de uma criança.

 

Já experimentei dessa nova rotina nas férias.

Estou me adaptando a ela, assim como a cria, que tem odiado ir ao supermercado comigo e já fez amizade com a cabeleireira.

Sei que ela vai ficar mais intensa com o recomeço de tudo, mas venho me preparando.

E tenho tentado fazer Isaac entender que sua companhia agora é necessária não só na vida de mãe como na vida e dona de casa e mulher também.

 

O pilates?

Parei.

Sei que não está certo, mas é o que dá pra agora.

Logo retomo alguma atividade física. Logo me encaixo no meio disso tudo. Logo completo esse quebra-cabeças.

E tudo dá certo.

Que assim seja.

Carol Garcia

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade