PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Das observações e das soluções simples
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Das observações e das soluções simples

Das observações e das soluções simples

18/10/2013
  423   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Quando o filhote começa a ficar chateado com a escolinha e se busca uma solução

soluções simples

Isaac estava dando trabalho na escola.

Não se enturmava com os colegas, chorava em momentos em que a interação com as crianças era obrigatória e dizia “odiar” a hora de ir para a quadra ou para o parquinho.

Eu estava me descabelando.

Além da culpa que me cabe, estava desesperada em achar solução pra infelicidade da cria.

E pra minha também.

Fizemos reunião com a professora que, preocupada com o comportamento do pequeno, sugeriu que ele passasse com a psicóloga da escola.

Concordamos, claro, mas pulga que vive atrás de orelha materna não relaxa, né?

E daí que, dentre as observações e reclamações, eu tinha lá no fundo a certeza de que eu sabia o que era preciso.

Conversas, brincadeiras, atenção.

Tudo isso resolve.

Mas, o que ajudou e muito foi que, prestando atenção na relação Isaac x Escola, no comportamento dele em casa e no chororô todo, percebi que ele estava cansado.

Cansado mesmo.

Com saquinho cheio de ficar tanto tempo fora de casa.

Isaac é daquelas crianças que tem seu canto, seu momento sozinho, suas manias, e os dois dias da semana em que ele fica integral estavam chatos pra ele.

Estavam chatos a ponto de contaminar sua boa vontade de ir pra escolinha, a de todos os dias, que ele frequenta no período da manhã.

A ponto dele perguntar todas as noites se amanhã é dia do integral.

E sofrer com resposta positiva.

Logo, querendo achar uma solução que resolvesse numa só tacada, o tédio, o choro, a falta e a questão dos amigos, me propus a enfrentar o tempo.

Isso. O tempo. Aquele que o relógio conta.

Resolvemos que Isaac não vai sair do integral. Até porque lá ele tem atividades compatíveis com a sua idade e crianças pra conviver.

A solução simples é que agora ele sai da escola, almoça em casa e volta pro turno da tarde.

Meio corrido, meio que estranho pra ele, mas ótimo.

Segundo as professoras, ele melhorou 100%.

Não chora mais, não reclama mais, come o lanche todo e brinca muito.

Mais uma pra eu guardar na pastinha do “vivendo e aprendendo”.

assinatura-carol-v3 (3)

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

mensagem enviada

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade