PESQUISAR

Residência Médica
Residência Médica
A vantagem da 1ª dose da vacina contra sarampo
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
A vantagem da 1ª dose da vacina contra sarampo

A vantagem da 1ª dose da vacina contra sarampo

15/01/2014
  136   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Estudo pontua que ela pode ser mais eficaz aos 15 meses de idade da criança

vacina sarampo

No Brasil e nos EUA, as crianças recebem a primeira dose recomendada de sarampo, caxumba e rubéola (MMR) entre 12 e 15 meses de idade. No Canadá, a primeira dose é recomendada aos 12 meses. Pelo nosso calendário oficial, há a necessidade de um reforço aos quatro anos.

Um novo estudo publicado na Pediatrics de novembro (2013) encontrou crianças no Canadá que receberam a primeira dose da vacina MMR na idade de 15 meses e que tiveram um alto nível de imunidade ao sarampo em comparação às crianças que receberam a primeira dose aos 12 meses.

No estudo O sarampo em crianças vacinadas com duas doses de MMR, pesquisadores canadenses tentaram confirmar os resultados de um surto em uma escola, em que um número significativamente maior de crianças que receberam a primeira de duas doses da vacina MMR aos 12 meses e aos 13 meses contraiu sarampo em comparação àquelas que a receberam aos 15 meses ou mais.

Os autores do estudo identificaram 102 casos de sarampo em crianças de Quebec, com idades entre 5 a 17 meses, entre 01 de janeiro a 31 de dezembro de 2011. Para cada caso de sarampo, foram selecionados aleatoriamente cinco controles correspondentes (para um total de 510 controles) a partir do registro da vacina contra o sarampo provincial. No total, 89% dos casos de sarampo foram diagnosticados em crianças com idades entre 13 a 17. Quando a primeira dose de MMR foi administrada dos 12 aos 13 meses, o risco do sarampo foi seis vezes superior fora da escola com o surto da doença do que quando a primeira dose foi dada aos 15 meses de idade ou mais. Após o ajuste para idade, sexo e ano de nascimento da mãe (1970 marca o primeiro ano de vacinas contra o sarampo no Canadá), o risco foi 5,2 vezes maior em crianças da escola que possui o surto da doença, bem como em crianças que frequentam outras instituições de ensino.

Os autores do estudo recomendam uma avaliação mais aprofundada da idade vista como apropriada para a primeira dose MMR, mas, de qualquer forma, como a recomendação brasileira é que se dê entre 12 e 15 meses, talvez seja mais interessante retardar para os quinze meses. Porém, ainda recomendamos o reforço aos quatro anos que não sabemos se é feito no Canadá.

Por Dr. José Luiz Setubal

Fonte: Measles in Children Vaccinated With 2 Doses of MMR | Pediatrics

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740)Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP.Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

NOSSAS INICIATIVAS
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade