PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Um Adeus Sabor Caramelo
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Um Adeus Sabor Caramelo

Um Adeus Sabor Caramelo

26/02/2015
  703   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

[web]caramelo solo cor

Uma das grandes vantagens de ser mãe é poder presenciar momentos de descobrimento do mundo das crianças, que veem tudo com olhos curiosos e ingênuos. O jeito de explicar as coisas e a si mesmas, sempre bem humoradas e com uma criatividade natural.

Me lembro de uma vez que, no primeiro dia de aula, fui buscar meu filho e perguntei se tudo tinha ido bem. Tomás olhou pra mim com uma cara de desconfiado e disse:

“Foi tudo bem… mas Mãe…”, ele continuou com o olhinho arregalado como quem está prestes a contar um grande segredo “acho que a tia Dani comeu uma coisa e virou outra tia!”

Tia Dani era a professora do ano anterior.

Quem é mãe sabe que cada dia os pequenos soltam novas pérolas pra gente rir e se divertir com esse mundo de realismo fantástico deles. Pois bem, o último grande feito do meu Tomasinho foi no fim do ano passado quando me acordou dizendo que um “vomito” tinha caído no meu computador.

“O QUEEEEE???” eu pulei da cama perguntando.

“Calma mãe, ainda tá funcionando…”

E estava. Mas durou pouco.

E foi por isso que eu passei esses meses meses todos sem escrever pro blog. Foi perda total, não sobrou chip pra contar história e ainda estou refazendo aos poucos tudo que foi levado “vomito abaixo”. Mas acontece, aparentemente, apesar de nunca na vida sequer imaginar que alguma coisa dessas iria se passar.

Acontece que esse post de volta é na verdade um pouco agridoce, porque justamente quando tudo isso aconteceu eu estava para me despedir da minha coluna… O que significa que eu voltei só pra dizer que vou de vez 🙁

Escrever aqui sempre foi um enorme prazer pra mim, mas no último ano sinto que não estou conseguindo dar a dedicação merecida. A carga de trabalho cresceu consideravelmente e ainda está pra aumentar e minhas idas à cozinha são cada vez mais raras (aqui em casa) para me preparar como gostaria pra vocês – pois pra quem não sabe, eu sempre testo tudo pra colocar no blog pra vocês.

Quem sabe ainda me vejam por aqui numa ocasião especial, mas esse é o último post da minha coluna Guloseimas da Bia.

E para fechar com chave de ouro, vou dividir com vocês a primeira receita que desenvolvi, que na época de encomendas da Panapaná, era meu carro chefe. É uma receita um pouco mais complexa do que estou acostumada a colocar aqui, é algo para ocasiões especiais pois requer mais atenção, tempo e dedicação. Não é difícil, mas essa massa é um pouco sensível, então talvez demore umas 2 tentativas antes de ficarem perfeitos para se ajustar ao forno de cada uma, mas a boa notícia é que mesmo que transbordem, murchem um pouco no meio ou o que quer que aconteça, eles continuaram deliciosos. E isso é o que importa! :]

 

 Cupcakes de Caramelo (rende cerca de 16 cupcakes)

Para os bolinhos:

  • 150g de manteiga sem sal
  • 1 xícara de açúcar demerara
  • 2 ovos
  • 1 colher (chá) essência de baunilha
  • 1 ½ xícara de farinha de trigo
  • ¼ xícara de amido de milho
  • 1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
  • ¼ colher (chá) de fermento em pó
  • ½ colher (chá) de sal
  • ¼ de xícara + 2 colheres (sopa) de caramelo (receita abaixo)
  • 50ml de leite

Pré-aqueça o forno a 180oC. Prepare assadeiras de cupcakes com papéis próprios para ir ao forno.

Peneire os ingredientes secos em uma vasilha e reserve. Misture o caramelo com o leite e mexa até que esteja homogêneo, reserve.

Em uma batedeira, bata a manteiga com o açúcar até que os grãos estejam bem dissolvidos e a mistura esteja fofa. Junte os ovos, um por vez batendo bastante a cada adição. Em seguida coloque a essência de baunilha.

Abaixe a velocidade da batedeira e adicione um terço da mistura de ingredientes secos. Em seguida junte metade da mistura de caramelo. Repita até que tudo esteja dentro da batedeira, lembrando de misturar tudo apenas até que a massa esteja homogênea e tudo esteja bem incorporado. Cuidado para não bater demais, mas tome mais cuidado ainda para que todo o caramelo esteja bem misturado ou sua massa irá ferver.

Encha as forminhas até no máximo ¾ do papel. Leve ao forno e asse por aproximadamente 20 minutos ou até que estejam prontos. Não abra a porta do forno até que eles estejam prontos, eles são muito sensíveis.

Para o caramelo (rende cerca de 1 xícara):

  • 1 xícara de açúcar
  • 1/3 xícara de água
  • ½ xícara de creme de leite fresco

Em uma panela coloque a água e o açúcar a fogo alto. Mexa o mínimo possível, e se algum grão de açúcar grutas na lateral da panela, passe um pincel com água para dissolvê-lo. Deixe a mistura ferver sem mexer na panela até que a mistura comece a escurecer. Quando estiver em um tom âmbar escuro, tire a panela do fogo e deixe as bolhas se dissiparem. Com um wisk em mãos, adicione aos poucos o creme de leite fresco mexendo vigososamente. Cuidado, vai borbulhar e soltar um vapor bem quente, então pode ir fazendo aos poucos para não se queimar. Volte a panela ao fogo e cozinhe até que o caramelo esteja com uma consistência viscosa e com a cor desejada. Lembrando que quanto mais escuro, mais forte o gosto de caramelo.

Para a cobertura:

  • 120g de manteiga sem sal
  • 2 xícaras de açúcar de confeiteiro peneirado
  • 2 colheres (chá) pó de merengue (clara em pó)
  • 1 colher (chá) de essência de baunilha
  • ¼ colher (chá) de sal
  • 1 colher (sopa) de leite

Em uma batedeira, coloque a manteiga e bata até que esteja bem mole. Adicione o açúcar, o pó de merengue, o sal e a baunilha de uma vez e mexa tudo até que esteja homogêneo. Por último coloque o leite e bata em alta velocidade até que esteja bem cremoso. Se for colorir a cobertura, use corante em gel e vá adiocionando gota por gota até chegar na cor desejada.

(essa é uma simplificação da cobertura que normalmente faço, é mais doce, mas muito mais fácil e rápida de fazer)

Para montar os cupcakes, espere-os esfriar, coloque mais ou menos uma colher de sopa de cobertura em cima deles e com uma espátula, colher ou qualquer utensílio do tipo (eu gosto de faquinhas de patê), espalhe a cobertura como preferir. Jogue um pouquinho de açúcar colorido em cima e pronto!

 

Espero que gostem.

 

Até a próxima!

 

 assinatura-beatriz

 

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade