PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Pode ser inusitado, mas banheiro também é lugar de brincar
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Pode ser inusitado, mas banheiro também é lugar de brincar

Pode ser inusitado, mas banheiro também é lugar de brincar

08/09/2016
  1504   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Já ocorreu a você que há lugares da casa que podem ser incrivelmente divertidos para brincar, mas nem nos damos conta no dia a dia? A criança é uma exploradora por natureza, ávida por novas descobertas. E podemos dar vazão a esta faceta infantil muitas vezes somente chamando a atenção delas para uma parte da casa inexplorada.

 

No título deste post eu citei o banheiro. Em geral, este cômodo é considerado proibido para menores, sendo liberado para a criança brincar somente na hora do banho. Mas que tal aproveitar aquela água fria que sai do chuveiro recolhida num balde para deixar seu filho criar um mundo aquático no box? Você pode criar espuma colorida ou até deixá-los pintar nos azulejos (tinta aquarela sai com água).

 

Mais uma ideia é o guarda-roupa. Que tal liberar por um dia um espaço no armário e colocar um aviso de “Entre” para o seu filho. Deixe combinado que a porta precisa ficar aberta. Mas aposto que você vai se encantar com o mundo que seu filho irá criar no guarda-roupa.

 

Se seus filhos já desenharam usando uma mesa como apoio, podemos sugerir que o desenho seja feito na parte de baixo do tampo. Sim, isso mesmo. Cole uma folha grande de papel branco sob o tampão da mesa. Coloque um tapete no chão, ou almofadas e convide as crianças para deitarem-se e pintarem como se estivessem pintando o teto da casa.

 

Para descobrir lugares inusitados para brincar você precisa:

 

  1. Não ter receio de fazer dos cômodos da casa espaços de brincar provisórios

 

  1. Observar a casa com “olhos de criança” para descobrir aquele cantinho que pode ser especial

 

  1. Certifique-se que não há riscos desnecessários para a criança no lugar inusitado.

 

  1. Faça convites para a criança descobrir o lugar novo de brincar

 

  1. Tenha sempre por perto objetos “transformadores de lugares”, como um lençol.
Patrícias Camargo e Marinho

Patrícias Camargo e Marinho

Patricia Marinho, publicitária de formação, é a criadora do Tempojunto, um projeto que traz dicas de brincadeiras para serem feitas em qualquer situação. Junto com sua sócia, a jornalista Patricia Camargo, querem mostrar a importância da brincadeira para as crianças e para o vínculo afetivo positivo entre pais e filhos.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade