PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Deixe os fogos de artifícios para quem entende
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Deixe os fogos de artifícios para quem entende

Deixe os fogos de artifícios para quem entende

03/07/2018
  1154   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

O Sabará Hospital Infantil continua incentivando as famílias a NÃO comprarem fogos de artifício para uso próprio ou de seus filhos, já que milhares de pessoas, na maioria crianças e adolescentes, são feridas a cada ano enquanto usam fogos de artifício.

Nesta época de festas juninas e julinas, sobretudo na região nordeste e também com a Copa do Mundo, as pessoas costumam comprar e soltar muitos fogos de artifício.

Apesar dos perigos dos fogos de artifício, poucas pessoas entendem os riscos associados, que vão de queimaduras devastadoras, outros ferimentos, incêndios e até a morte. A Aliança para Parar os Fogos de Artifício do Consumidor, um grupo de organizações americanas de saúde e segurança que orienta o público a evitar o uso de fogos de artifício e a desfrutar apenas de exibições de fogos de artifício conduzidos por profissionais treinados.

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, sancionou em maio o projeto de lei que proíbe soltar fogos de artifício barulhentos dentro do município de São Paulo. Também fica proibida a fabricação e uso de quaisquer artefatos pirotécnicos com efeito sonoro ruidoso. Em caso de descumprimento, a multa prevista é de R$ 2 mil. O valor da multa será dobrado na primeira reincidência e quadruplicado a partir da segunda nas infrações cometidas dentro de um período inferior a 30 dias.

Entre 2007 e 2017, foram registrados, pelo Sistema Único de Saúde (SUS), 5.620 internações e 1.612 atendimentos ambulatoriais em decorrência de acidentes provocados por queima de fogos de artifício. No mesmo período, a pasta registrou 96 mortes em todo o Brasil. Ao longo desses dez anos, 2014 foi o que registrou maior de número de acidentes, foram 620 internações, contra uma média de 500 nos demais anos.

Dicas de segurança para fogos de artifício para famílias:

1- Fogos de artifício podem resultar em queimaduras graves, cegueira, cicatrizes e até morte;

2- Fogos de artifício que muitas vezes são considerados seguros, podem atingir temperaturas acima de 400C e podem queimar usuários e espectadores;

3- As famílias devem participar de exibições de fogos de artifício na comunidade dirigidas por profissionais, em vez de usar fogos de artifício em casa.

O Estado de São Paulo é o segundo com mais acidentes com fogos de artifício no país. Em oito anos, segundo o Conselho Federal de Medicina, foram 289 acidentes, só perdendo para a Bahia. Em todo o Brasil, foram 4500 internações e 100 mortes neste período.

A venda da maioria desses artefatos é proibida para menores, mas quase 25% dos feridos por fogos de artifício no brasil têm menos de 18 anos. Segundo o levantamento do conselho, 45% têm entre 19 e 59 e quase 30% têm mais de 60 anos. Os ferimentos mais comuns são no rosto e nas mãos.

Por tudo isso solicitamos aos pais que não comprem, não usem e não deixe seus filhos usarem fogos de artificio.

 

Autor: Dr. José Luiz Setúbal

Fonte:

Academia Americana de Pediatria (Copyright © 2018)

Lesões Relacionadas a Fogos de Artifício para Crianças  (Declaração de Política de AAP)

 

As informações contidas neste site não devem ser usadas como um substituto para o cuidado médico e orientação de seu pediatra. Pode haver variações no tratamento que o pediatra pode recomendar com base em fatos e circunstâncias individuais.

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade