PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Mamãe Blogueira: Ele ainda me ama
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Mamãe Blogueira: Ele ainda me ama

Mamãe Blogueira: Ele ainda me ama

10/02/2016
  452   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Tá. Sem drama.

Eu sei que ele vai me amar.

Por todos os dias esse amor vai persistir.

As chatices, as idiotices, as brigas e a cada namorada que eu rejeitar.

Vamos brigar, reclamar, discordar.

E ele vai continuar me amando.

Vou dar remédio azedo, sermão, esfregar atrás da orelha, cortar o filme no meio, segurar pra vacina, dar castigo, tirar o videogame.

Mesmo assim ele vai me abraçar antes de dormir e me amar.

Vou tirar da cama no inverno, fingir que não ouvi suas reclamações, obrigar a fazer a tarefa, fazer comer verduras antes do chocolate.

E o amor estará ali.

Vou mostrar que não sou perfeita, vou descontar na dieta, vou chorar, fazer careta.

Engordar, emagrecer, engrisalhar, travar a coluna.

E mesmo assim ele vai me amar.

Pode ser que uma bomba caia, uma grande besteira seja feita, uma ideologia desabe e ele estará lá, me amando.

Do jeito que ensinei.

E como eu sei? Simples.

Toda mãe sabe, acredita, espera e guarda no coração.

Mas nessa fase aqui, em que eu sou a última pessoa da fila, sou aquela que atrapalha as brincadeiras, perdeu a graça, sou só a que pega no pé…

Ontem ele percebeu que eu estava triste.

Viu que eu estava cansada, com uma gripe que não acaba, toda gemendo, de pernas inchadas.

Me abraçou, suspirou e mandou:

– Mama, você é a melhor mãe do mundo.

Eu, toda tristonha disse que não, que não era.

Ele se encostou em mim, sorriu quietinho e cochichou consigo mesmo:

– E sim. É sim.

 

Carol Garcia

Carol Garcia

Carol Garcia nasceu jornalista e descobriu isso bem mais tarde. Apareceu na TV, na internet, escreveu quilômetros de textos, fala pacas pelo microfone e adora. Nasceu mãe também, e hoje aos 36, vive de aprender e ensinar com o Isaac. Logo, ela juntou tudo, misturou, chacoalhou e mantém um blog onde desfia e desafia todos os loopings dessa montanha russa que é a maternidade. http://viajandonamaternidade.blogspot.com.br/

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade