PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Qual o significado do Natal?
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Qual o significado do Natal?

Qual o significado do Natal?

24/12/2014
  3429   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Às vezes as crianças fazem perguntas que parecem tão fáceis… mas quando tentamos responder, as palavras teimam em não sair. Quando a sua lhe perguntar o que significa o Natal, você terá a resposta certa para lhe dar, pois terá lido nosso artigo.

Aproxima-se uma festa que se celebra em todos os continentes. É uma data especial e quase universal. Quando uma criança nos pergunta o que significa o Natal, temos muitas respostas possíveis, mas a mais correta é a que se vive em casa. Não importa a religião que você professe, esta data pode ser festejada como a festa da família. Todas as crianças ouvem falar do Natal e este não é indiferente para elas. Por isso mesmo a sua vai querer ter uma experiência marcante neste dia. Confira a seguir duas respostas que podem se enquadrar na sua realidade familiar e use a que mais se adaptar.

Natal é a festa da família

O Natal, atualmente, é vivido com grande intensidade pelos cristãos que adaptaram uma festa laica, que celebrava o deus Sol, para uma festa religiosa que celebra o nascimento de Jesus. Assim, se você professa alguma religião que está ligada ao cristianismo, esta poderá ser a sua resposta: no Natal celebra-se o nascimento de Jesus e reunimos a família, tal como no dia do teu aniversário, para celebrarmos todos juntos uma festa de amor.

Natal é a celebração do amor

A realidade é a mesma que a anterior. Juntamos a família e celebramos a alegria de estarmos juntos. Mas se não professa uma religião que esteja diretamente ligada ao cristianismo, poderá optar por explicar ao seu filho que o Natal é a festa que une todos os desejos de paz e amor da humanidade. Nesta época colocam-se de lado os desentendimentos e as mágoas e deseja-se a todos uma vida de paz e harmonia. É uma festa onde os sentimentos de amizade e de amor são os mais importantes e, por isso, trocam-se presentes e cartões de Boas Festas, desejando a todos o que há de melhor.

Não vou festejar o Natal

Pode ser esta a sua realidade e o que acontece com a sua família. Mas pode sempre responder à sua criança que este tempo é uma época de paz e de felicidade. Assim, ela não vai sentir-se deslocada quando ver uma árvore de Natal ou um Papai Noel no shopping. Acima de tudo, uma criança quer uma resposta sincera quando faz uma pergunta. Explique corretamente o que é o Natal, festeje ou não, concorde ou não. Da nossa parte apenas podemos desejar uma época muito feliz a todos os que nos acompanham. Claro que também agradecemos a sua presença desse lado. Aqui estamos por causa de cada um de vocês.

Leia também: Cântico de Natal: uma história sobre o passado, o presente e o futuro

Atualizado em 18 de julho de 2024

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

(CRM-SP 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, com especialização na Universidade de São Paulo (USP) e pós-graduação em Gestão na Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás, David e Benjamim.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade

    Cadastre-se na nossa newsletter

    Cadastre-se abaixo para receber nossas comunicações. Você pode se descadastrar a qualquer momento.

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade de Instituto PENSI.