PESQUISAR

Residência Médica
Residência Médica
Crianças que comem bem
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Crianças que comem bem

Crianças que comem bem

11/12/2019
  210   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Dr. Mauro Fisberg – coordenador do Centro de Dificuldades Alimentares do Instituto PENSI 

Há poucos anos, o panorama de nutrição da criança brasileira mostrava que a desnutrição cobrava um preço alto. Taxas comparadas a de países muito menos desenvolvidos assustavam os pediatras e governantes, que entendiam que o baixo peso por falta de alimentos determinaria riscos enormes para o crescimento, desenvolvimento e a defesa contra infecções em nossas crianças.

Com a melhoria dos sistemas de saúde, o aumento do saneamento básico e algum avanço no poder econômico, as populações de crianças desnutridas foram diminuindo, mas as consequências ficaram. Gerações inteiras de alunos com aprendizado inadequado, poucos recursos para a memória e resolução de problemas. Os que conseguiam escapar da desnutrição tinham pouca estatura.

A baixa estatura nutricional ou o crescimento inadequado por falta de nutrientes chegava a alcançar 1 em cada 4 crianças em idade escolar. A diferença de estatura do adolescente brasileiro poderia ser de até 10 centímetros a menos que os colegas dos Estados Unidos e até 15 centímetros em relação a dos países europeus.

Para saber mais sobre o assunto, clique aqui e acesse o mini e-book sobre dificuldades alimentares.

 

Comunicação PENSI

Comunicação PENSI

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

NOSSAS INICIATIVAS
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade