PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Medicamentos para a tosse funcionam?
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Medicamentos para a tosse funcionam?

Medicamentos para a tosse funcionam?

23/01/2014
  4168   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Quem já tossiu sabe que ela incomoda quando é persistente. Talvez, seja o sintoma que mais causa desconforto entre aqueles que são pais de crianças pequenas. A pergunta: “qual remédio eu dou para a tosse de meu bebê?” é uma das mais frequentes nos consultórios pediátricos. Porém, estes xaropes funcionam?

Remédio para tosse não funciona. Na verdade, se o fizesse, seria perigoso. Pessoas que não tossem podem acumular secreção nos pulmões e piorarem o quadro da doença, pois ela é um mecanismo de defesa do nosso organismo.

Na maioria dos casos, quando acontece durante um resfriado, ela pode indicar irritação na garganta, gotejamento de secreção pós-nasal e congestão. Para tratar a tosse, nossas avós e bisavós tiveram a ideia certa. Mel. Os estudos mostram que o mel ajuda na tosse – e faz um trabalho muito melhor que o remédio.

Por que ajuda? Ele ameniza a inflamação na garganta e, quando ela está menos irritada, a gente tosse menos. Pessoalmente, eu gosto do meu mel no chá, às vezes com limão, às vezes com gengibre fresco, às vezes com ambos. Não dê mel para um bebê com menos de um ano de idade, pois o intestino deles não é maduro o suficiente para lidar com isso. O botulismo infantil, embora raro, pode ser causado pelo mel.

Outra sugestão é fazer inalação com vapor de água ou com inalador, pois fluidifica a secreção e torna a tosse mais eficiente, sobretudo em crianças e idosos que tem pouca musculatura torácica.

Então, por que os médicos continuam a prescrever medicamentos para a tosse? Eles acreditam que os pais veem essa atitude como um termômetro sobre os bons cuidados por parte do profissional devido à receita médica. Dar um remédio sempre acalma os cuidadores, mesmo que ele não seja muito eficiente.

Então, o que você pode fazer quando o médico se oferece para prescrever um remédio para tosse para você ou seu filho? Pergunte se realmente precisa dele. Pergunte se usar o mel (ou chá com mel e limão ou gengibre) não seria mais eficiente. A maioria dos profissionais ficará feliz quando você lhe der permissão para não prescrever medicamentos para a tosse.

Fonte: Texas Children’s – Dr. Harold Farber, Pneumologista Pediátrico

Atualizado em 28 de maio de 2024

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

(CRM-SP 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, com especialização na Universidade de São Paulo (USP) e pós-graduação em Gestão na Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás, David e Benjamim.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

mensagem enviada

  • marina gotherio da silva disse:

    oi meu tem 2 anos e ele está com anemia e gostaria de saber se vc podem me passar um tipo de alimentação correta. obrigada pela atenção

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade

    Cadastre-se na nossa newsletter

    Cadastre-se abaixo para receber nossas comunicações. Você pode se descadastrar a qualquer momento.

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade de Instituto PENSI.