PESQUISAR

Residência Médica
Residência Médica
A gente leva da vida a vida que a gente leva
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
A gente leva da vida a vida que a gente leva

A gente leva da vida a vida que a gente leva

29/06/2020
  297   
  2
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

A frase título do texto é uma citação do sempre tão atual Tom Jobim, e traz uma ideia muito importante e central sobre a vida na quarentena. Como encaramos esse momento de isolamento social pode nos ajudar a pensar e refletir sobre a forma como queremos tocar nossas vidas para além do tempo de exclusão.

A angústia e a ansiedade que o mundo vive frente ao não saber sobre a Covid-19, nos conta, entre outras coisas, da onipotência que nós como humanos experimentamos.  Ganhamos a habilidade de dominar o fogo, depois inventamos a roda, para na sequência tentarmos controlar os ares, os mares e a terra.

Acreditamos tanto na nossa potência, que acabamos por crer que somos capazes de dar conta de todas as variáveis da vida. O coronavírus nos ensina que somos apenas mais uma entre as espécies da natureza.

No dia a dia, somos traídos pela nossa onipotência. A pressa, as demandas externas e a aceleração maciça das grandes cidades nos fazem crer que somos obrigados a agir, a responder a todas as expectativas do mundo e em última instância a todas as nossas expectativas.

Desacelerar parece ser um enorme ganho que o vírus nos traz. A ansiedade tem sido um “vírus” constante na forma como estabelecemos a nossa rotina e a falta de saúde mental coletiva, uma pandemia grave do tempo pós-moderno.

“Enquanto o tempo

Acelera e pede pressa

Eu me recuso, faço hora

Vou na valsa

A vida é tão rara”.

(Lenine, Paciência)

 O que levaremos da quarentena nos conta da vida que levaremos! Vale abandonarmos nossa onipotência, para então reconhecermos a preciosidade da vida.

Saiba mais:

Eu também tenho um sonho

Gabriela Malzyner

Gabriela Malzyner

É psicóloga, psicanalista e mestre em Psicologia Clínica pela PUC-SP. Coordenadora e docente do Núcleo de Infância e Adolescência do CEP e consultora do Núcleo de Nutrologia e Metabolismo do Instituto PENSI.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

mensagem enviada

posts relacionados

NOSSAS INICIATIVAS
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade