PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
As meninas e o esporte
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
As meninas e o esporte

As meninas e o esporte

16/12/2016
  863   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Agosto foi marcado pelas Olimpíadas e o esporte de maneira geral. Foi muito bom ver o país, apesar de todos os nossos problemas, vibrar com as lindas imagens vinda do Rio mostrando a confraternização dos povos. Foi também um momento da redenção das mulheres e a celebração do esporte feminino.

 

Coincidentemente a Academia Americana de Pediatria publicou em julho de 2016 uma recomendação e um alerta para os pediatras sobre as meninas esportistas. As meninas enfrentam um conjunto único de fatores de risco relacionados à prática de esportes. Um grupo de fatores de risco comum às meninas é conhecido como a tríade do sexo feminino, que foi previamente definido, em termos de osteoporose, amenorreia (falta de menstruação) e transtornos alimentares.

 

No entanto, em um relatório clínico na edição de agosto da Pediatrics, da Academia Americana de Pediatria (AAP) recomenda pediatras a olharem para os sintomas que podem estar presentes muito antes de esses diagnósticos clínicos serem feitos. O relatório clínico da AAP, “A Tríade da Atleta Feminina” mostra sinais associados com a tríade que incluem:

1- A falta de menstruação

2- Densidade de massa óssea reduzida

3- Ingestão de calorias insuficientes para compensar o esforço físico

4- Diminuição da saúde cardiovascular

 

A tríade é particularmente relevante para atletas adolescentes, porque é um momento crítico para o desenvolvimento da massa óssea, ou seja, alimentação inadequada e desenvolvimento da massa óssea nessa idade terá um impacto negativo na vida adulta.

 

Autor: Dr. José Luiz Setúbal

Fontes: Pediatrics – July 2016

“A Tríade da  Atleta Feminina”

 

As informações contidas neste site não devem ser utilizadas como um substituto para o cuidado médico e orientação de seu pediatra. Pode haver variações no tratamento que o seu pediatra pode recomendar com base em fatos e circunstâncias individuais

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade