PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Dicas para os pais: assista televisão com seus filhos
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Dicas para os pais: assista televisão com seus filhos

Dicas para os pais: assista televisão com seus filhos

15/05/2012
  641   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Ficar frente às telas com as crianças pode contribuir com o desenvolvimento e aprendizado dos pequenos

Desde 1996, a Academia Americana de Pediatria (AAP) recomenda que os pais assistam filmes e televisão com seus filhos. Estudos relacionados ao assunto têm mostrado que esta prática possui uma série de benefícios:

1- Aumento de aprendizagem: as crianças aprendem melhor com mídias educacionais quando assistem aos programas com seus pais:

a- Os pais podem mostrar as imagens na tela da TV e ler as legendas para os filhos;
b- Em um programa gravado, os pais podem fazer uma pausa no videocassete ou DVD e perguntar às crianças: “o que você acha que vai acontecer na próxima cena?”;
c- Os responsáveis também podem elaborar aulas com os programas de TV ou vídeos e mostrar para os pequenos objetos semelhantes, pessoas e situações do próprio ambiente infantil.

2- Redução do medo: comentar sobre cenas de terror, pode ajudar reduzir o medo dos pequenos:

a- As crianças mais jovens tendem a ter medo de fantasmas, bruxas, monstros e outros personagens;
b- Enquanto as crianças mais velhas normalmente temem mais as coisas que poderiam acontecer na vida real, tais como o terrorismo ou desastres naturais.

3- Diminuição da agressividade: o acompanhamento dos pais na hora que as crianças ficam frente às telinhas, pode ajudar a reduzir a agressividade, quando são feitos comentários sobre a violência transmitida. Por exemplo, se é mostrada uma pessoa ferida, mas se omite as consequências do fato, é útil dizer coisas do tipo: “como acha que se sentiria se isso acontecesse com você?”.

4- Aumento da discussão de assuntos polêmicos: os pais de crianças mais velhas podem usar o conteúdo que elas veem, especialmente a violência ou comportamento sexual, como ponto de partida para a discussão sobre esses tópicos.

Por Dr. José Luiz Setúbal

Traduzido e Adaptado do CHCM da Academia Americana de Pediatria

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

mensagem enviada

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade