PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Precauções antes das viagens
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Precauções antes das viagens

Precauções antes das viagens

04/09/2012
  379   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Como o surto de sarampo foi grande em muitos países, o ideal é vacinar as crianças contra esta doença, antes embarcarem para o exterior

Imunização contra sarampo antes de viagem

Como a procura dos brasileiros para destinos internacionais tem aumentando, é sempre bom se prevenir contra algumas doenças que estão ocorrendo em outros países, como é o caso do sarampo.

As vacinas contra doenças como sarampo são especialmente importantes quando sua família viaja para fora do Brasil. Mesmo que o sarampo endêmico (surto generalizado) tenha sido eliminado no Brasil há alguns anos, os viajantes que retornam de visita a outros países podem ser infectados, porque os surtos ocorrem. É importante que seu filho e sua família, e isto inclui adultos, estejam totalmente imunizados e protegidos.

Os seguintes focos internacionais de sarampo foram notificados em 2011:

1. França: mais de 14.000 casos;
2. Itália: mais de 4.300 casos;
3. Espanha: mais de 1.600 casos;
4. Alemanha: mais de 1.480 casos;
5. Inglaterra e País de Gales: mais de 850 casos;
6. Quebec, Canadá: mais de 740 casos;
7. Estados Unidos: 222 casos.

O que os pais devem saber:

1. Certifique-se de que as vacinas do seu filho estejam em dia. As crianças devem receber duas doses da tríplice viral (primeira dose: 12 a 15 meses de idade e segunda dose: 4 a 6 anos de idade).

2. O vírus do sarampo pode permanecer no ar por até 2 horas depois que uma pessoa com a doença deixou local.

3. O sarampo é contagioso nos 4 dias antes de uma erupção cutânea e em até 4 dias depois ele vai embora.

4. Informe o seu pediatra se você está planejando viajar para fora do país, incluindo a Europa. Algumas crianças com idade inferior a 12 meses devem receber uma dose da vacina tríplice viral, se elas forem viajar para fora do país. (Esta dose não contará para sua série de rotina).

5. As crianças estão em risco para contrair o sarampo antes da primeira dose da vacina tríplice viral (MMR).

6. Mantenha a criança longe de outras que tenham febre alta e/ou erupção cutânea.

Ligue para o seu pediatra imediatamente se você acha que seu filho tenha sido exposto ao sarampo.

Por Dr. José Luiz Setúbal

Fonte: Measles Update 2012: What Parents Should Know

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade