PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Economia circular no nosso programa de Voluntariado
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Economia circular no nosso programa de Voluntariado

Economia circular no nosso programa de Voluntariado

13/06/2024
  1105   
  2
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Você já ouviu falar em economia circular?

 

O conceito de Economia Circular foi idealizado pela velejadora britânica Ellen MacArthur durante um dos seus desafios no mar, no início dos anos 2000, quando percorreu mais de 50 mil quilômetros durante três meses para realizar uma viagem marítima em torno do globo. Além de bater o recorde mundial de circum-navegação mais rápida, suas viagens também proporcionaram um novo olhar sobre os recursos do planeta: que se não utilizados de maneira inteligente, vão se esgotar. O resultado desses pensamentos deu origem à Fundação Ellen MacArthur, que nasceu com a missão de acelerar a transição do planeta rumo a uma economia circular, inserindo-a na agenda de tomadores de decisão de empresas e governos.

A economia circular é um sistema onde os materiais nunca se transformam em resíduos e a natureza é regenerada. Em uma economia circular, os produtos e materiais são mantidos em circulação através de processos como manutenção, reutilização, renovação, refabricação, reciclagem e compostagem. A economia circular aborda as alterações climáticas e outros desafios globais, como a perda de biodiversidade, os resíduos e a poluição, dissociando a atividade econômica do consumo de recursos finitos.

Agora, imagine um hospital, mesmo pequeno como o Sabará Hospital Infantil, quanto se produz de resíduo todos os dias? São centenas de caixas de papelão de medicamentos, material descartável, latas de leite em pó, embalagens de materiais cirúrgicos, entre outras coisas. Todo material que entra em contato com o paciente tem que ser descartado como lixo hospitalar, conta com uma logística própria e possui uma coleta seletiva feita pela prefeitura.

A Fundação José Luiz Egydio Setúbal (FJLES) tem como princípio orientador para essa década os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas (ODS-ONU), que são um apelo global à ação para acabar com a pobreza, proteger o meio ambiente e o clima e garantir que as pessoas, em todos os lugares, possam desfrutar de paz e de prosperidade. Pensando nisso, nossas instituições: a FJLES, o Sabará Hospital Infantil e o Instituto PENSI têm políticas de reutilizar e reciclar todo material útil para esses fins.

Há anos, nosso programa de voluntariado utiliza o papelão das embalagens, garrafas pets, filtros, caixas de sapatos, uniformes de uso privativo da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e Centro Cirúrgico, retalhos de tecidos etc. Com esse material, eles fazem bonecos, jogos como damas e de memória, bichos de montar, dedoches, naninhas, chocalhos e uma infinidade de coisas.

Na última Páscoa, por exemplo, recebi um coelho e uma sacolinha feitos com lençóis e campos cirúrgicos que seriam descartados pelo uso e que, nesse processo de reciclagem, foram transformados em brinquedos e sacolas. Com isso, acabamos em um esquema de Economia Circular, contribuindo para a sustentabilidade do planeta.

Todo esse esforço rendeu a reciclagem de 230 kg de papelão, 250 kg de caixas de sapatos, 110 kg de papel CME, 30 kg de roupas de uso privativo, 27 kg de lençóis, 13 kg campos cirúrgicos, 120 kg de garrafas PET, totalizando quase 800 kg de material reutilizado nos últimos seis meses. Isso sem contar outros materiais que reciclamos como vidros, alumínio e baterias, mas que são entregues para fora da instituição.

A preocupação com a sustentabilidade do planeta deve ser uma preocupação de todos. Com essas iniciativas, além de ajudarmos a poupar recursos da natureza, ajudamos a criar uma cultura dentro da nossa instituição, junto aos nossos colaboradores, e é uma forma educativa de mostrar aos pais e às crianças a importância desse tema.

Parabéns a todas as pessoas que, de maneira direta ou indireta, participam desses programas, seja com ideias, com a confecção e idealização das bonecas, jogos e brinquedos, na captação dos materiais etc. Como eu digo várias vezes, é um orgulho muito grande liderar um time de pessoas como vocês.

Nosso planeta Terra agradece.

 

Foto: Sarah Daltri

 

Fontes:

https://brasil.un.org/pt-br/sdgs

https://www.reciclasampa.com.br/

https://www.ellenmacarthurfoundation.org/

 

Saiba mais:

https://institutopensi.org.br/sabara-hospital-infantil-numa-pegada-de-sustentabilidade/

https://institutopensi.org.br/sabara-adota-praticas-sustentaveis-e-reduz-co%C2%B2/

https://institutopensi.org.br/mudancas-climaticas-poluicao-por-combustiveis-fosseis-e-saude-infantil/

https://institutopensi.org.br/nao-ha-saude-infantil-sem-saude-planetaria/

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

(CRM-SP 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, com especialização na Universidade de São Paulo (USP) e pós-graduação em Gestão na Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás, David e Benjamim.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

mensagem enviada

  • Wagner Nogueira Fragoso Jr disse:

    Nota dez para o trabalho especial com gente, materiais e natureza. Assim se faz uma Nação sustentável seja emocionalmente e ou ecologicamente.
    Parabéns

  • Leonídia S Meccheri disse:

    Também tenho orgulho de participar como voluntária do Hospital Infantil Sabará e de todas as atividades ali desenvolvidas. A cada dia me torno uma pessoa melhor. Parabéns a todos.

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade

    Cadastre-se na nossa newsletter

    Cadastre-se abaixo para receber nossas comunicações. Você pode se descadastrar a qualquer momento.

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade de Instituto PENSI.