PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Fique atento ao teste do pezinho
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Fique atento ao teste do pezinho

Fique atento ao teste do pezinho

15/11/2011
  2626   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

O chamado Teste do Pezinho é um exame laboratorial simples, que tem como objetivo detectar doenças que são muito raras, mas quando diagnosticadas precocemente, podem ser tratadas com sucesso e impedir danos muitas vezes irreversíveis. É um procedimento de triagem e, se der um resultado suspeito, deverá ser repetido.

Antes dos testes serem desenvolvidos e serem obrigatórios por lei em todo o Brasil, muitas crianças eram diagnosticadas com o aparecimento dos sintomas, mas o dano estava feito. Nesses casos, mesmo sendo tratadas, era irreversível, embora não houvesse piora.

Atualmente, o teste é obrigatório em todas as maternidades do Brasil e pode detectar diversas doenças, entre elas o hipotireoidismo (diminuição do funcionamento da tireóide, glândula que produz hormônios e regula o metabolismo), a fenilcetonúria (doença genética, caracterizada pela ausência da enzima fenilalanina, um importante componente das proteínas dos seres vivos) e hemoglobinopatias (traço falcêmico, doença falciforme, ocasionados por um defeito da hemoglobina, que é responsável por tirar o oxigênio dos pulmões e transportá-lo aos tecidos do corpo).

Leia também: Projeto de Lei do Teste do Pezinho Ampliado pelo SUS é aprovado

O exame é colhido na maternidade entre o 3º e o 5º dia de  vida do bebê e é feito com uma gota de sangue colocada num papel filtro.

É um exame extremamente simples, obrigatório, por isso mesmo não deixe de fazê-lo, e em caso de dúvidas, converse com seu pediatra.

Conheça também o Teste do Olhinho

Atualizado em 7 de fevereiro de 2024

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

(CRM-SP 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, com especialização na Universidade de São Paulo (USP) e pós-graduação em Gestão na Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás, David e Benjamim.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

mensagem enviada

  • Andreia Farias disse:

    Bom dia!! Lendo este post, queria uma orientação. Meu bb fez o teste do pezinho com 24d de vida, o laboratório em questão atrasou muito o resultadoe e só agora depois de 5meses depois de muita insistência da minha parte, foram atrás do resultado e m disseram q o laboratório q presta serviços para esse exame pediram outra amosta pq falaram q deu problema a amostra e n conseguiram obter o resultado. Mas como assim, pq n falaram antes? E faço, será q pode ainda?? Posso recorrer por essa falha num caso tão importante?? Se puderem m ajudar com sugestões, eu agradeço.

    • Equipe Sabará disse:

      Olá Andreia. Sua dúvida foi encaminhada ao nosso corpo clínico. Em breve lhe enviaremos uma resposta. Abraços! 🙂

    • Equipe Sabará disse:

      Olá Andreia. Neste caso sugerimos que você procure o laboratório para obter informações mais específicas sobre o ocorrido. Se o exame obtido trouxer alguma alteração, consulte o pediatra do seu filho. Abraços! 🙂

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade

    Cadastre-se na nossa newsletter

    Cadastre-se abaixo para receber nossas comunicações. Você pode se descadastrar a qualquer momento.

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade de Instituto PENSI.