PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Instituto PENSI é destaque em Relatório Social da FJLES
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Instituto PENSI é destaque em Relatório Social da FJLES

Instituto PENSI é destaque em Relatório Social da FJLES

01/09/2021
  151   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

A Fundação José Luiz Egydio Setúbal lançou em agosto seu Relatório Social 2020, compartilhando as ações realizadas no último ano, com foco em reforçar a nossa responsabilidade com o futuro das crianças e adolescentes e com o pacto social que ela representa. No documento, há uma seção dedicada exclusivamente ao trabalho do Instituto PENSI, com números relacionados aos projetos científicos e eventos realizados, entre outros.

A seguir, conheça um pouco das nossas iniciativas:

Dentre os destaques do último ano, foram aprovadas 94 propostas em nosso Centro de Pesquisa. Foram iniciados 13 projetos, que envolvem as áreas de Infectologia, Imunologia, Alergia, Child Life Specialists, Hematologia, Cirurgia, Pronto-Socorro e Georreferenciamento. Três deles já foram publicados em revistas de referência médica, incluindo um que saiu na “Pediatric Allergy and Immunology”, uma das mais importantes revistas de imunologia pediátrica do mundo.

Além disso, o laboratório de pesquisa PENSI recebeu habilitação, pelo Instituto Adolfo Lutz, para realizar testes para fins de diagnóstico e pesquisa, que vêm sendo realizados desde agosto de 2020. E, ainda, aderiu ao  Data Sharing/BR, o primeiro repositório de acesso aberto do país com dados demográficos e de exames clínicos e laboratoriais anonimizados de pacientes que fizeram testes para a doença.

Outros projetos

Dentre os outros projetos desenvolvidos no PENSI, merece destaque o Projeto de Triagem Neonatal, desenvolvido com o incentivo do Programa Nacional de Apoio à Atenção da Saúde da Pessoa com Deficiência (PRONAS/PCD), e em parceria com o Instituto de Ciências Biomédicas da USP (ICB-USP). A pesquisa teve o objetivo de ampliar o número de doenças a serem detectadas pelo teste do pezinho, incluindo síndromes genéticas que podem estar associadas às doenças de imunidade.

Em parceria com a Danone Nutricia, também foi lançado um edital de bolsas para jovens pesquisadores nas áreas de: Tecnologia em Saúde, Economia em Saúde, Alergias Alimentares e Dificuldades Alimentares. Ao todo, 36 trabalhos foram inscritos, dos quais quatro foram selecionados.

Além disso, o Núcleo de Neurodesenvolvimento do Instituto PENSI, em parceria com as universidades de Harvard, Tulane e Maryland, dos Estados Unidos, iniciou um projeto para medir o impacto dos cuidados em crianças institucionalizadas e seu desenvolvimento durante a primeira infância. O objetivo é avaliar a efetividade e, possivelmente, propor uma implementação mais ativa no Brasil do acolhimento por famílias, ao invés de abrigos.

Já o Projeto AMAs – Atendimento Multi Assistencial – uma parceria do PENSI com a Associação Samaritano, atual UMANE – vem nos últimos anos realizando atendimento pediátrico especializado de crianças via SUS, referenciadas pela Secretaria Municipal da Saúde. Em 2020, foram realizados mais de 23 mil atendimentos.

Ensino à distância

Realizado pela primeira vez em formato 100% virtual, o 5º Congresso Sabará de Saúde Infantil contou com mais de 1,7 mil inscritos, que durante três dias acompanharam as mais de 216 horas de evento.

No ano passado, foram realizados 35 eventos online focados no aprimoramento dos profissionais de saúde, com a participação de 93 palestrantes e mais de 13 mil inscritos para assisti-los. Todos estão disponíveis em nossa plataforma de Ensino à Distância, que oferece mais de 100 cursos online.

Ainda na área de educação, o Programa de Residência Médica em Pediatria ofertou 7 vagas no último ano, sendo 4 para Pediatria Geral e 3 para Terapia Intensiva Pediátrica. Além disso, o PENSI também oferece o curso de Pós-graduação “Psicologia e Saúde da Criança no Ambiente Hospitalar”, e estágios de curta duração, que tiveram que ser suspensos ou reduzidos em 2020 por conta da pandemia.

Voluntariado

Mesmo com o isolamento social, o programa de voluntariado do Instituto PENSI continuou em 2020, terminando o ano com 130 voluntários. Desde o início da pandemia os encontros presenciais foram suspensos, mas os voluntários continuam trabalhando e dedicaram mais de 5 mil horas às crianças.

Comunicação PENSI

Comunicação PENSI

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade