PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Ajudando sua criança a formar bons hábitos de sono
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Ajudando sua criança a formar bons hábitos de sono

Ajudando sua criança a formar bons hábitos de sono

23/12/2014
  732   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

hábitos-de-sono

 Para os pais de crianças, dormir é frequentemente é a parte mais desafiadora do dia. Crianças muitas vezes resistem a ir dormir, particularmente se o irmão mais velho na casa ainda está acordado. Dicas para ajudar o seu bebê Estabelecer bons hábitos de sono.

Adote uma rotina noturna para que seu filho tem tempo de silêncio antes de deitar e entender que, em breve será hora de ir dormir. A rotina deve ser a mesma a cada noite, porque as crianças se sentem confortáveis pela rotina. Dê-lhe um banho, leria uma história, ou ouça música suave. Evite jogo ativo, o que só vai excitá-la e tornar o sono mais difícil.

Seja consistente. Hora de dormir deve ser, no mesmo horário todas as noites. Ao fazer isso, o seu filho vai saber o que esperar, e vai ajudá-la a estabelecer bons hábitos de sono.

Deixe sua criança levar um objeto favorito para a cama à noite -talvez um urso de pelúcia, cobertor especial, ou brinquedo favorito. Ele pode ajudá-lo a dormir e voltar a dormir se acordar durante a noite. Certifique-se que o objeto não tenha botões ou fitas que poderiam colocar o seu filho em risco de asfixia.

Certifique-se de seu filho esteja confortável. Se ele quer um copo de água ou uma luz ligada, fazê-lo e, em seguida, dizer-lhe que é hora de dormir.

Não deixe seu filho dormir na sua cama. Fazer isso torna mais difícil para ela adormecer quando estiver sozinha.

Aguarde alguns segundos antes de ir para o quarto do seu bebê sempre que ela se queixa ou chama para fora. Então, cada vez que ela chama por você, espere mais um pouco antes de responder. Tranquilize seu filho que você está lá, mesmo quando você está fora de vista. Cada vez que você responder, lembrá-la de que é hora de ela ir dormir. Não faça nada para recompensar o seu filho para chamando por você.

Dê um tempo. É normal se incomodar se o seu filho te mantém acordado à noite. Mas tente ser compreensivo, ou é provável que você faça o problema com o sono ainda pior. Você pode precisar de pedir a ajuda de seu parceiro e outros adultos novamente quando seu filho tem distúrbios do sono.

Como promover o sono sadio em crianças em idade escolar? O primeiro passo é criar um horário de sono para o seu filho. Quando você vê que ela está cansada, que sua hora de dormir fazer. Em seguida, construir uma rotina de sono em torno deste tempo. Você pode tê-la tomar um banho, ler uma história, ou cantar uma canção, seguido por algum tempo antes de sair da sala para que ela possa dormir.

Mas até mesmo uma vez rotinas estão no lugar, você não pode sempre contar com o seu bebê para dormir durante um período de sesta ou a noite. Além de ser imprevisível na infância, o sono também pode ser perturbado por eventos como vestuários ou camas, perdendo um cobertor ou brinquedo favorito fofinho, ou sair de férias com a família. Mantendo a uma rotina regular deitar torna mais fácil lidar com exceções ocasionais no cronograma. Quando deitar está atrasado, resolver o seu filho com uma versão mais curta da rotina habitual ir-à-cama.

 

Autor: Dr. José Luiz Setúbal

Fonte: Sono: O que cada pai precisa saber (Copyright © 2013 Academia Americana de Pediatria)

 

As informações contidas neste site não devem ser usadas como um substituto para o atendimento médico e orientação de seu pediatra. Pode haver variações no tratamento que o seu pediatra pode recomendar com base em fatos e circunstâncias individuais.

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade