PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Hábitos de exercício dos jovens
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Hábitos de exercício dos jovens

Hábitos de exercício dos jovens

01/11/2016
  1031   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Com a epidemia de sobrepeso e obesidade que se inicia na infância e agrava-se na adolescência no mundo atual, há uma observação da diminuição da atividade física entre crianças e jovens, sendo este um fator de prevenção deste fenômeno e uma maneira de promoção de saúde. Desde a Grécia Clássica se sabe que “mente sã em corpo são”, são os segredos de uma boa saúde.

 

Um estudo americano avaliou os níveis de atividade física dos alunos do 10º ano durante o primeiro ano após o ensino médio. Os pesquisadores realizaram revisões anuais de estudantes em 44 escolas representando comunidades urbanas, suburbanas e rurais, e constataram que menos de 9% dos participantes somaram os 60 minutos ou mais recomendados de atividade moderada a vigorosa por dia. No entanto, notaram que os contextos sociais, tais como a frequência escolar podem desempenhar um papel em níveis de exercício como adolescentes de transição para a vida adulta.

 

Em cidades como São Paulo, onde a preocupação com a violência e poucos lugares para a prática esportiva e também com o pouco interesse das escolas públicas e privadas em promover atividades físicas diversas e interessantes para seus alunos, fazem com que não tenhamos uma cultura da atividade física como em outros países.

 

Autores afirmam este estudo mostra que alunos do ensino médio não recebem a quantidade recomendada de exercício diário e que isso há probabilidade que continue na transição para a idade adulta. Isto mostra, como mais um exemplo, que o papel das escolas não está sendo de educar bem nossos jovens para serem adultos sadios. Como pai e avô (no meu caso) me questiono sobre se estou fazendo o meu papel com meus filhos e netos, proporcionando chance de fazermos atividades físicas e ao livre em conjunto.

 

 

Autor: Dr. José Luiz Setúbal

Fonte: Pediatrics October 2016, VOLUME 138 / ISSUE 4

Changes in Moderate-to-Vigorous Physical Activity Among Older Adolescents

Kaigang Li, Denise Haynie, Leah Lipsky, Ronald J. Iannotti, Charlotte Pratt, Bruce Simons-Morton

 

As informações contidas neste site não devem ser usadas como um substituto para o cuidado médico e orientação de seu pediatra. Pode haver variações no tratamento que o pediatra pode recomendar com base em fatos e circunstâncias individuais.

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade