PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Melhor atendimento para crianças permanece no consultório do pediatra
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Melhor atendimento para crianças permanece no consultório do pediatra

Melhor atendimento para crianças permanece no consultório do pediatra

05/05/2017
  975   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

A Academia recomenda que serviços de atendimentos urgentes e de pronto atendimento, possam garantir serviços de alta qualidade fora dos hospitais. No Brasil, pequenos Pronto Socorros ou UPA (Unidade de Pronto Atendimento) ou AMAs atendem nossa população sem a qualidade necessária.

A Academia Americana de Pediatria afirma que o local ideal para as crianças receberem cuidados de saúde aguda, não emergências está em um ambulatório de pediatria que ofereçam cuidados contínuos, abrangentes e coordenados, de acordo com uma declaração de política recém-lançada. A Academia também reconhece a necessidade de coordenar e ajudar a melhorar os padrões em um número crescente de instalações de atendimento urgente, clínicas de varejo e serviços de telemedicina comercial que são usados ​​por algumas famílias devido a um benefício percebido ou real em acessibilidade, conveniência ou custo.

O relatório, ” Nonemergency Acute Care: When is not a Medical Home “, a ser publicado em maio de 2017 da Pediatrics, substitui duas anteriormente publicadas e declarações de política que abordaram a expansão modelos de agudos cuidados de serviços. A declaração atualizada enfatiza que o tratamento de crianças em práticas estabelecidas, em evolução e novas deve aderir aos princípios fundamentais que se baseiam em recomendações que incluem:

  • Maximizar a continuidade dos cuidados comunicando rapidamente informações e encaminhando a criança para o seguimento necessário ao domicílio médico.
  • Fornecer cuidados baseados nas melhores evidências disponíveis e ter limites claramente definidos de âmbito de serviço que sejam transparentes para as famílias.
  • Certifique-se de que o pessoal tem formação pediátrica e experiência.
  • Estabelecer protocolos de atendimento presencial e tecnológico para transições de atendimento em situações de emergência, em situações fora do escopo de atendimento e para cobertura pós-horária.
  • Implementar estratégias de avaliação contínua e melhoria da qualidade de atendimento e da segurança do paciente.

A Academia recomenda que as crianças com menos de 2 anos de idade não sejam tratadas em pronto atendimentos ou serviços de cuidados agudos que não têm experiência pediátrica. A declaração de política incentiva práticas pediátricas para usar formas inovadoras para atender às necessidades da família dentro da casa médica, como por aumentar as horas de operação. Hospitais pediátricos ou consultórios de pediatras continuam a ser o melhor local para crianças e adolescentes receberem cuidados para condições crônicas ou complexas, incluindo problemas de saúde comportamental; Para cuidados de rotina de bem- estar, incluindo exames físicos e imunizações ; E para o cuidado de toda a pessoa, incluindo questões afetadas por determinantes sociais da saúde.

Autor: Dr. José Luiz Setúbal

Fonte: Pediatrics – May 2017

The report, “Nonemergency Acute Care: When It’s Not the Medical Home,”

As informações contidas neste site não devem ser usadas como um substituto para o cuidado médico e orientação de seu pediatra. Pode haver variações no tratamento que o pediatra pode recomendar com base em fatos e circunstâncias individuais

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade