PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
O que fazer antes das viagens?
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
O que fazer antes das viagens?

O que fazer antes das viagens?

06/03/2012
  345   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Saiba os cuidados que você e o seu filho devem ter antes de conhecerem novos lugares

Quando você sai do seu ambiente, fica exposto a germes diferentes dos que seu organismo está acostumado. Além disso, em determinadas regiões poderá encontrar doenças diferentes, epidemias, etc. Procure se informar antes de viajar.

O passeio em si, também pode ser uma ameaça à sua saúde. Voar, por exemplo, pode aumentar o risco de coágulos sanguíneos e outros problemas de saúde.

Se você tem um problema de saúde em tratamento, tais como diabetes, asma, entre outros, pode ser difícil de encontrar suprimentos ou ajuda se ficar doente, quando estiver fora de casa. Previna-se, leve os medicamentos que você necessita ou de uso comum (analgésico, para vômitos, etc), além de um termômetro e material para pequenos curativos.

Como faço prevenir uma infecção quando viajo?

Se você está planejando ir para a Ásia, África, América do Sul ou Europa Oriental, marque uma consulta com o pediatra e clínico geral, eles podem ajudá-lo a se preparar para sua viagem. Dependendo do seu destino, você pode precisar de:

Tomar uma ou mais vacinas: semanas ou meses antes de ir. Por exemplo, se você for para partes da África ou América do Sul, Amazônia, Pantanal etc., pode ser necessário se imunizar contra a febre amarela;

– Evite o gelo, a água da torneira e certos alimentos que podem conter germes. Se você beber água não tratada ou consumir alimentos contaminados, poderá ter uma infecção que provoca vômitos, diarreia ou outros problemas;

– Use repelente que tem DEET ou uma substância química chamada picaridin. Você também deve usar roupas que o protegem de picadas de insetos. Além disso, no local visitado, verifique se existem insetos e os remova se encontrar algum. Eles podem contaminá-lo com os germes que carregam quando morderem ou picarem você;

– Tome medicamentos antes e durante a sua viagem, que podem prevenir as infecções como a malária. No entanto, isso é discutível, por isso converse com seu médico;

– Use sapatos que cubram completamente seus pés, se você estiver em qualquer lugar que possa ter fezes de cão ou outros animais, dejeto humano na areia ou no solo. Isso pode acontecer em locais que não possuem tratamento de água ou esgoto. E se andar descalço, poderá ser infectado por vermes.

E se eu tiver uma doença, mas quiser viajar?

Se você tem um problema de saúde em curso, tais como diabetes ou doença cardíaca, pergunte ao seu médico ou enfermeiro como planejar sua viagem.

Muitas pessoas que têm alguma doença são capazes de viajar sem problemas. O segredo é fazer um planejamento e ter certeza de todos os remédios e suprimentos que possa precisar. Também é importante fazer uma lista de todos os medicamentos que você toma, as doses, e por que você deve levá-los.

E se eu estiver grávida e quiser viajar?

As viagens são seguras para a maioria das mulheres grávidas. Mas aquelas que tiveram problemas durante a gestação, como pressão alta, devem limitar ir para os destinos de avião. Não há riscos conhecidos das viagens aéreas para o bebê. Veja com a companhia o limite de idade recomendado para as gestantes.

Durante voos longos, as mulheres grávidas devem esticar e flexionar as pernas. Elas também devem se levantar e se movimentar, quando for seguro fazê-lo. Isso pode impedir a formação de coágulos nas pernas.

Algumas das vacinas e medicamentos recomendados aos viajantes não são seguros para mulheres grávidas. Se você quer viajar para um país onde existe uma infecção preocupante, pergunte ao seu médico ou enfermeiro se você pode ir lá com segurança.

O que mais devo pensar quando viajo?

Se você for para:

Um lugar ensolarado ou quente: use protetor solar e roupas que bloqueiam o sol. A exposição demasiada aos raios solares pode levar à insolação, queimaduras e aumentar o risco de câncer de pele;

Montanhas ou para um lugar alto: pergunte ao seu médico como você pode se prevenir de ficar doente, pois dores de cabeça e enjoos são comuns em altas altitudes.

Por Dr. José Luiz Setúbal

Fonte: Patient Information of UpToDate: The Basics

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

mensagem enviada

  • Leide disse:

    Boa noite! Gostaria de tira uma duvida sobre meu filho= Ele ficou doente com febre de 40 graus e teve que tomar uma injeção de dipirona, a enfermeira disse que tinha que ser como vacina e aplicou na coxa direita, mais, na hora ficou vermelho e inchou formando uma bolha. Passou 5 dias e ainda tem um caroço de cinco centímetros que é bem dolorido o q eu faco?

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade