11 2155-9358
Institucional Blog Pesquisas CEP FJLES Cursos
Data inicial
Estágio Hospitais Boletins Releases Parcerias
Ícone Data Final
Busca rápida
Busca avançada
Institucional Voluntariado Parcerias Releases Boletins
Data inicial
Núcleos Cursos Estágios Hospitais Blog
Ícone Data final
Busca rápida
Busca avançada
vacina-contra-o-hpv

Assim como em países desenvolvidos, no Brasil, o câncer já representa a primeira causa de morte (8% do total) por doença entre crianças e adolescentes de 1 a 19 anos

Esta é a notícia que todo mundo quer ouvir. Será que as pessoas que são contra vacinas também fariam campanhas contra uma vacina contra o câncer? Mas a boa notícia é que ela já existe e é dada nos postos de saúde de todo o Brasil, gratuitamente e é muito eficaz. Estou falando da vacina contra o HPV.

O câncer engloba um conjunto de doenças, cada uma com características e fatores de risco próprios, que têm em comum a reprodução desordenada e exagerada de células. O câncer é uma doença multifatorial, ou seja, pode ser causada por diversos fatores como genética, ambiente, nutrição, e hábitos como fumo, ingestão de álcool etc. No caso deste artigo estamos falando da prevenção do câncer de colo do útero, a sexta maior causa de câncer no Brasil.

Assim como em países desenvolvidos, no Brasil, o câncer já representa a primeira causa de morte (8% do total) por doença entre crianças e adolescentes de 1 a 19 anos. Estima-se que ocorreram cerca de 12.600 casos novos de câncer em crianças e adolescentes no Brasil em 2017. As regiões Sudeste e Nordeste apresentaram os maiores números de casos novos, 6.050 e 2.750, respectivamente, seguidas pelas regiões Sul (1.320), Centro-Oeste (1.270) e Norte (1.210).

O Brasil deve registrar este ano cerca de 600 mil novos casos de câncer, como mostra a publicação Estimativa 2018 – Incidência de Câncer no Brasil, lançada em fevereiro, pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca) e o Ministério da Saúde, no Dia Mundial do Câncer.

O perfil da doença no País espelha a profunda desigualdade socioeconômica brasileira: entre os mais privilegiados, os tumores são típicos daqueles mais registrados nos países desenvolvidos do Ocidente. Entre os mais pobres, a doença está ligada a infecções e outras situações ligadas ao subdesenvolvimento.

Na sequência, os dez tipos de câncer mais incidentes no Brasil serão:

  1. Próstata (68.220 casos),
  2. Mama feminina (59.700),
  3. Cólon e reto (câncer de intestino) (36.360),
  4. Pulmão (31.270),
  5. Estômago (21.290),
  6. Colo do útero (16.370),
  7. Cavidade oral (14.700),
  8. Sistema nervoso central (11.320),
  9. Leucemias (10.800) e
  10. Esôfago (10.790).

O estudo revela o perfil de um país urbanizado, industrializado e com população em processo de envelhecimento, que possui os cânceres de próstata, pulmão, mama feminina e intestino entre os mais incidentes, em linha com países desenvolvidos do Ocidente.

Nos últimos cem anos, o Brasil aumentou exponencialmente sua população, e se tornou um país urbano, a população entrou em processo de envelhecimento devido ao aumento da expectativa de vida e uma enorme queda na taxa de natalidade. O câncer no Brasil, sobretudo nas regiões Sul e Sudeste e parte do Centro-Oeste, assumiu um perfil muito parecido com o dos chamados países do primeiro mundo.

O câncer infantil corresponde a um grupo de várias doenças que têm em comum a proliferação descontrolada de células anormais e que pode ocorrer em qualquer local do organismo. Os tumores mais frequentes na infância e na adolescência são as leucemias (que afeta os glóbulos brancos), os do sistema nervoso central e linfomas (sistema linfático).

Também acometem crianças e adolescentes o neuroblastoma (tumor de células do sistema nervoso periférico, frequentemente de localização abdominal), tumor de Wilms (tipo de tumor renal), retinoblastoma (afeta a retina, fundo do olho), tumor germinativo (das células que vão dar origem aos ovários ou aos testículos), osteossarcoma (tumor ósseo) e sarcomas (tumores de partes moles).

Nas últimas quatro décadas, o progresso no tratamento do câncer na infância e na adolescência foi extremamente significativo. Hoje, em torno de 80% das crianças e adolescentes acometidos de câncer podem ser curados, se diagnosticados precocemente e tratados em centros especializados. A maioria deles terá boa qualidade de vida após o tratamento adequado. No Sabará Hospital Infantil tivemos 48 casos novos diagnosticados em 2017.

A boa notícia para a prevenção de câncer que se inicia na infância, é que o Ministério da Saúde oferece, desde 2014, a vacina contra o HPV, agora ampliada para os meninos, o que poderá reduzir no futuro a incidência de cânceres associados a essa infecção. Nos curto e médio prazos, a medida mais efetiva para a prevenção e detecção precoce do câncer do colo do útero é a universalização do acesso ao exame de Papanicolaou, biópsia e tratamento.

O objetivo da publicação Estimativa 2018 – Incidência de Câncer no Brasil é oferecer um painel sobre o cenário atual da magnitude do câncer, que possa ser utilizado por gestores, profissionais de saúde e sociedade em geral, de modo a subsidiar as ações de prevenção e controle da doença. Os resultados têm como base as informações dos registros de câncer de base populacional e do sistema de informações sobre mortalidade (SIM), que são atualizados com frequência.

Saiba mais no blog do Hospital Infantil Sabará:

Autor: Dr. José Luiz Setúbal

Fonte: http://www1.inca.gov.br/inca/Arquivos/estimativa-2018.pdf]

As informações contidas neste site não devem ser usadas como um substituto para o cuidado médico e orientação de seu pediatra. Pode haver variações no tratamento que o pediatra pode recomendar com base em fatos e circunstâncias individuais.

 

Avatar
Dr. José Luiz Setúbal
Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens Relacionadas