PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
O Brasil está mais generoso e solidário
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
O Brasil está mais generoso e solidário

O Brasil está mais generoso e solidário

01/11/2022
  66   
  1
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

O mundo pós-pandêmico se tornou um lugar mais solidário em 2021. O Brasil seguiu essa tendência e subiu várias posições no ranking do World Giving Index (WGI) 2022, considerado o mais respeitado estudo que mede a generosidade global, avaliada por meio de três quesitos:

  1. Atos de bondade em relação a desconhecidos;
  2. Doações em dinheiro;
  3. Ações de voluntariado.

Este é o quarto ano consecutivo que o Brasil sobe no ranking geral do WGI, indo da 54ª para a 18ª posição, alcançando a nossa melhor colocação. A melhora se deu nos três quesitos de avaliação, mais foi mais expressiva na “ajuda a um desconhecido”, onde saltou de 36º para o 11º lugar.

O WGI é considerado uma das maiores pesquisas sobre doações, atingindo quase 2 milhões de pessoas entrevistadas desde 2009, sendo que em 2021 incluiu dados de quase 120 países, o que representaria perto de 90% da população adulta mundial.

De maneira geral, quase metade (47%) dos brasileiros dizem ter praticado algum ato de solidariedade em 2021, sendo que 76% ajudaram desconhecidos e 41% fizeram doações em dinheiro. Cerca de 25% também dizem ter praticado trabalho voluntário.

Para nós, da Fundação José Luiz Egydio Setúbal, notícias como essa nos dão muita alegria, afinal, há anos trabalhamos juntos com parceiros como o IDIS e a ABCR pela cultura da doação no Brasil. Ver a melhora de indicadores como esse, que vem melhorando ano a ano, nos dá muita satisfação!

Aqueles que trabalham no terceiro setor e acreditam que, com um setor filantrópico fortalecido, uma sociedade civil organizada e participativa, ajudando os governos por meio de empresas e pessoas físicas, poderão construir uma sociedade mais igualitária, justa e melhor para todos.

Fonte:

Saiba mais:

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

mensagem enviada

  • Projeto Bom de Escola Para Ser Bom de Bola disse:

    Você realmente faz o que é preciso?
    Você paga o preço? Se está na dúvida, é porque não faz o suficiente.
    Quem quer algo grande, tem que fazer mais.
    Como espera alcançar objetivos altos se faz pouco?
    Não adianta, a matemática para essa situação é simples é exata. Seu esforço e dedicação deve ser proporcional ao seu sonho.
    Todos dias surge uma oportunidade.
    Seja ela para agradecer ou para evoluir.
    Sempre que possível, agradeça por onde você está, muitos queriam estar no seu lugar.
    Mas também, use como motivação o seu sonho, o futuro que você quer para você.
    Faça disso uma razão para seguir em frente.
    Utilize esse sonho como impulso.

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade

    Cadastre-se na nossa newsletter

    Cadastre-se abaixo para receber nossas comunicações. Você pode se descadastrar a qualquer momento.

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade de Instituto PENSI.