PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
O que é a varíola dos macacos? Pode dar em crianças?
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
O que é a varíola dos macacos? Pode dar em crianças?

O que é a varíola dos macacos? Pode dar em crianças?

06/07/2022
  510   
  1
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Globalmente, diversos casos de varíola dos macacos foram relatados até agora. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), existem mais de 5,3 mil casos em todo mundo, inclusive em países onde esse vírus nem sempre é encontrado, como na América do Norte, México, países europeus, Argentina, Marrocos, Emirados Árabes Unidos e no Brasil.

Em meio a essa disseminação silenciosa, as perguntas que estão sendo feitas agora são: As crianças correm o risco de contrair? Qual é a gravidade e a extensão desse risco?

Até o momento, foram registrados poucos casos de infecção por varíola dos macacos entre crianças (um número baixo, globalmente falando), mas elas correm o risco de serem infectadas. Em grande parte, é devido à indisponibilidade de tratamento de suporte, os dados da OMS dizem isso. O tratamento de suporte é semelhante ao isolamento, mas o uso de máscaras e a higiene das mãos também são muito importantes.

A varíola dos macacos é uma doença causada pelo Monkeypox vírus. Recebeu esse nome quando foi descoberta em macacos de laboratório, em 1958. Esse vírus é semelhante ao que causa a varíola, mas é menos contagioso e, geralmente, causa uma doença mais branda. As erupções cutâneas, assim como a catapora, são infecciosas por até 21 dias e, portanto, podem se espalhar para outra pessoa até o momento em que as erupções não cicatrizam completamente.

Os casos de varíola são mais comuns na África central e ocidental, naqueles que viajaram recentemente para essas áreas e em pessoas que tiveram contato com animais importados. Porém, casos recentes de varíola ocorreram fora da África em pessoas que não viajaram.

Quais são os sinais e sintomas da varíola dos macacos?

Causa febre, dor de cabeça, dores no corpo, linfonodos (gânglios) inchados e uma erupção cutânea. A erupção começa como manchas planas, que se transformam em bolhas e que depois se enchem de líquido. As bolhas formam crostas e caem à medida que cicatrizam. Normalmente, as pessoas se sentem melhor dentro de duas a quatro semanas. Mas, às vezes, o vírus pode deixar uma pessoa gravemente doente.

Como ela se espalha?

O vírus pode se espalhar pelo contato próximo com pessoas ou animais infectados e pode levar de 5 a 21 dias após a exposição para que os sintomas comecem. Alguém pode ser infectado se:

  • Inalar o vírus (via respiratória);
  • Ter contato com sangue, fluídos corporais (como durante o contato sexual) ou fluído das bolhas;
  • Usar roupas de cama ou outros itens contaminados pelo vírus.

Devemos nos preocupar em pegar varíola dos macacos?

Até agora, as infecções são muito raras. Os surtos anteriores terminaram rapidamente, sem colocar muitas pessoas em risco.

Ela pode ser prevenida?

As vacinas contra varíola comum protegem também contra a varíola dos macacos. No entanto, não há vacinas disponíveis no mercado neste momento. Há apenas cepas guardadas para, se necessário, voltarem a ser reproduzidas. Vale lembrar que a forma como a vacina da varíola era feita antigamente não é mais utilizada.

Tal como acontece com muitos germes, lavar bem as mãos e/ou usar álcool gel com frequência, usar máscara e evitar o contato com pessoas contaminadas e animais doentes podem ajudar na proteção contra o vírus.


Saiba mais:

https://www.indiatoday.in/health/story/monkeypox-risk-to-children-experts-decode-1959527-2022-06-07

https://news.sky.com/story/monkeypox-rare-in-children-and-parents-should-not-be-worried-about-rise-in-uk-cases-say-experts-12620637

https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2022/06/08/primeiro-caso-de-variola-dos-macacos-no-brasil-e-confirmado-na-cidade-de-sp.ghtml

https://exame.com/ciencia/mais-de-5-mil-casos-de-variola-dos-macacos-sao-confirmados-no-mundo-anuncia-oms/

 

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

mensagem enviada

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade

    Cadastre-se na nossa newsletter

    Cadastre-se abaixo para receber nossas comunicações. Você pode se descadastrar a qualquer momento.

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade de Instituto PENSI.