PESQUISAR

Sobre o Centro de Pesquisa
Sobre o Centro de Pesquisa
Residência Médica
Residência Médica
Existe um surto de hepatite em crianças?
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp
Existe um surto de hepatite em crianças?

Existe um surto de hepatite em crianças?

08/06/2022
  136   
  0
Compartilhar pelo Facebook Compartilhar pelo Twitter Compartilhar pelo Google Plus Compartilhar pelo WhatsApp

Especialistas em saúde pública estão investigando casos de hepatite (inflamação do fígado) em crianças, que podem estar associados a um tipo comum de vírus. Até o final de maio, havia 68 casos suspeitos de hepatite aguda em investigação, segundo informações do Ministério da Saúde.

Os casos estão divididos em 16 estados. O que mais tem registros é São Paulo, com 16 casos, seguido por Minas Gerais, com 9, e Pernambuco, com 7. Os demais estão no Ceará (6), Rio Grande do Sul (6), Goiás (3), Santa Catarina (3), Espírito Santo (2), Paraná (2), Pará (2), Alagoas (1), Rio Grande do Norte (1), Rondônia (1), Maranhão (1) e Paraíba (1).

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), havia 650 casos prováveis de hepatite aguda misteriosa em crianças em 33 países até o dia 26 de maio. A organização diz não haver nenhum caso confirmado no mundo.

Os primeiros casos foram relatados em várias crianças pequenas, que também testaram positivo para adenovírus em amostras de sangue. A OMS emitiu um alerta, recomendando que crianças com hepatite, mas sem causa conhecida, sejam testadas para adenovírus. Entre as crianças que desenvolveram hepatite, várias precisaram de transplante de fígado e pelo menos uma morreu.

Quão preocupados devem ser os pais?

Esta continua a ser uma complicação rara de uma infecção viral comum. É improvável que seu filho tenha hepatite associada a adenovírus ou outras doenças respiratórias agudas.

Quais são os sinais e sintomas da hepatite?

Existem muitas razões pelas quais o fígado pode ficar inflamado. As possíveis causas incluem infecções, medicamentos, toxinas, uso de álcool, drogas e, menos comumente, outros problemas médicos. Às vezes, a causa permanece desconhecida.

Os sintomas da hepatite podem incluir:

  • Pele ou olhos amarelos (icterícia)
  • Urina escura
  • Fezes de cor clara (pálidas)
  • Comichão (coceira) na pele
  • Fadiga (cansaço)
  • Febre > 38ºC
  • Náusea ou vômito
  • Dor abdominal
  • Perda de apetite
  • Dor nas articulações

Também é possível que as crianças não tenham nenhum sintoma. O tratamento da hepatite depende da causa identificada.

Quais são os sinais e sintomas do adenovírus?

Os adenovírus se espalham por contato próximo, gotículas respiratórias e pelo ar. Existem mais de 50 tipos de adenovírus que podem infectar as pessoas. Os sintomas comuns incluem doença respiratória (resfriado), infecções estomacais e gastrointestinais, conjuntivite (olho vermelho), cistite (inflamação da bexiga urinária) e, às vezes, doença neurológica. Não há tratamento específico para infecções por adenovírus.

Como posso prevenir hepatite em meu filho?

Precisamos lembrar que existem vacinas para Hepatite A e para Hepatite B que fazem parte do Plano Nacional de Imunização (PNI). Confira a carteira de vacinação de seu filho para ver se ele tomou as doses necessárias.

Como posso prevenir infecções por adenovírus em meu filho?

Se você estiver preocupado com os sintomas do seu filho, entre em contato com seu pediatra ou procure atendimento especializado. Seu pediatra pode discutir o tratamento adequado e considerar testes, que podem ser feitos em esfregaços respiratórios, fezes ou retais e sangue.

Os pais devem sempre lembrar às crianças que elas podem tentar evitar adoecer praticando uma boa higiene das mãos – lavando com água e sabão ou utilizando desinfetante para as mãos à base de álcool – e boa higiene respiratória e etiqueta da tosse (tossir no cotovelo).

IMPORTANTE: não hesite em entrar em contato com o seu pediatra se tiver dúvidas ou preocupações.

Saiba mais:

 

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal

Dr. José Luiz Setúbal (CRM-SP: 42.740) Médico Pediatra formado na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo , com Especialização na Universidade de São Paulo (USP) e Pós Graduação em Gestão na UNIFESP. Pai de Bia, Gá e Olavo. Avô de Tomás e David.

deixe uma mensagem O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

posts relacionados

INICIATIVAS DA FUNDAÇÃO JOSÉ LUIZ EGYDIO SETÚBAL
Sabará Hospital Infantil
Pensi Pesquisa e Ensino em Saúde Infantil
Autismo e Realidade

    Cadastre-se na nossa newsletter

    Cadastre-se abaixo para receber nossas comunicações. Você pode se descadastrar a qualquer momento.

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade de Instituto PENSI.